MAIS ACTUAL BLOG

Rui Costa Pinto - Jornalista/Editor/Publisher

terça-feira, fevereiro 20, 2024

OS ARTISTAS DO SNS DESMASCARADOS

Ao fim de 8 anos da mais descarada propaganda dos governos socialistas liderados por António Costa, bem como do PS, com a cumplicidade de grande parte da comunicação social, finamente foi possível ouvir, num dos canais generalistas, em prime time, com dados oficiais, quais foram as taxas de execução dos orçamentos anunciados para o SNS (debate entre Luís Montenegro e Pedro Nuno Santo aos 56' 06''):

XXI GOVERNO DO PS (Bloco e Esquerda e PCP)

XXII GOVERNO DO PS  (Bloco e Esquerda e PCP)

XXIII GOVERNO DO PS (Maioria absoluta)


E DEPOIS DE TANTO MARKETING

As vulnerabilidades de Pedro Nuno Santos ficaram ainda mais acentuadas após o debate com Luís Montenegro. O líder do PS falhou o objectivo de aplainar a imagem de impreparação e de impulsividade, com a agravante do ganho em genuinidade ter ficado comprometido pela tentativa de defender o legado de António Costa, ao mesmo tempo que promete fazer o que não foi feito nos últimos 8 anos.

P. S. A falta de isenção, com a futebolização da política e as claques ao rubro, já é uma espécie de activo no meio mediático.

A PALAVRA DE BIDEN

segunda-feira, fevereiro 19, 2024

MAIS UMA RAZÃO PARA A MUDANÇA

Pedro Nuno Santo não gostou da manifestação legítima e ordeira de elementos das forças de segurança à porta do teatro Capitólio. Pior início de debate era difícil, mas ficou o aviso para uma espécie de esquerda ainda mais autoritária do que a de António Costa.

NAVALNY EM LISBOA


Embaixada da Federação da Russa 

 

ALTA (IN)DEFINIÇÃO

NO TEMPO DAS ASSESSORIAS

«Justiça investiga império de ex-assessor de Sócrates».

IPSE DIXIT. BOA SEMANA (08/2024)


«Lucros privados, 
prejuízos privados».
Rui Rocha
15/02/2024

«Como é possível haver duas opiniões 
tão radicalmente opostas 
entre o bloco MP e PJ e um juiz de instrução 
sobre os mesmos factos 
apresentados no despacho de indiciação? 
Não significará tudo isto 
que se perdeu, 
como o Governo sempre quis, 
a especialização do ‘Ticão’ 
para o crime complexo?
Eduardo Dâmaso
15/02/2024

«É necessário
colocar um ponto final
em tanta desculpa e incompetência».
José Manuel Fernandes
12/02/2024

domingo, fevereiro 18, 2024

RUI ROCHA NO PÓDIO

As prestações de Rui Rocha nos debates entre líderes partidários (frente-a-frente), entre as quais a última, foram a grande surpresa da pré-campanha eleitoral para as eleições de 10 de Março. Com ideias, o líder da Iniciativa Liberal emprestou uma nova forma de fazer e de debater em política, deixando claro um estilo e alternativa credíveis, condição essencial para combater a abstenção.

NAVALNY: DON'T BE INACTIVE




I’ve got something very obvious to tell you.
You’re not allowed to give up.

We need to utilize this power to not give up, 
to remember we are a huge power 
that is being oppressed by these bad dudes. 

We don’t realize how strong we actually are. 
The only thing necessary for the triumph of evil 
is for good people to do nothing, 
so don’t be inactive.

sábado, fevereiro 17, 2024

NINGUÉM AGARRA PEDRO NUNO SANTOS

O líder do PS está a ultrapassar tudo e todos. Nem Ventura, nem Rocha, nem Montenegro, nem Mortágua, nem ninguém, é capaz de revelar tanto zigue-zague sobre a justiça.

NAVALNY: SANGUE NAS MÃOS DO OCIDENTE

Um dia após a morte de Alexei Navalny, depois de palavras e mais palavras dos líderes ocidentais, importa relembrar outras palavras de Joe Biden, a 16 de Junho de.2021: «As consequências serão devastadoras para a Rússia se o opositor Alexei Navalny, atualmente detido, vier a morrer». E ainda há quem se  admire com a força de Trump.

P. S. Além da pronta declaração de Ana Gomes (Russians, raise up!), que continua a servir como uma espécie de decência mínima garantida do PS, importa recordar também um premonitório artigo de opinião de Francisco Teixeira da Mota: «É fundamental que a solidariedade dos países democráticos a Alexei Navalny seja mais consistente e exigente, sob pena de corrermos o risco de, um dia, o envenenamento não falhar...».

sexta-feira, fevereiro 16, 2024

SILÊNCIO DA PRESIDÊNCIA E DO PM DEMISSIONÁRIO

Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa continuam sem reagir à morte de Alexei Navalny.

NAVALNY E OS PEQUENINOS

A morte de Alexei Navalny é um marco na história do século XXI. É também a vergonha pessoal e política de todos aqueles que ajudaram Vladimir Putin a chegar ao poder, que alimentaram os negócios com o ditador, que defenderam as trocas comerciais com uma ditadura brutal a troco de umas comissões ensanguentadas, que contribuíram para o regresso do imperialismo russo que levou à brutal invasão da Ucrânia.


PANELA DE PRESSÃO NO LIMITE

Os últimos desenvolvimentos políticos e judiciais, no quadro da ampla crise institucional e das eleições antecipadas de 10 de Março, estão a colocar o país em estado de ebulição. 

7 MILHÕES PARA O LOBO VESTIR A PELE DE CORDEIRO

quinta-feira, fevereiro 15, 2024

GUERRA SURDA NA JUSTIÇA

Começam a surgir sinais visíveis de uma guerra surda entre os magistrados do Ministério Público e os magistrados judiciais, com a PJ em sobressalto e os advogados do regime a surfar a percepção e a situação. Será por causa das eleições?

P. S. Rui Rio não perde uma oportunidade para tentar controlar os agentes judiciários.

AFINAL HÁ (IN)JUSTIÇA NO SISTEMA

O debate entre André Ventura e Pedro Nuno Santos trouxe "surpreendentemente" o tema da Justiça para a ribalta. Mais uma vez, a espuma dos dias, imposta pela espectacular libertação dos arguidos da Madeira, verga os políticos. 

P. S. O líder do PS, desesperadamente agarrado ao status quo, garante que a Justiça está a funcionar. O líder do Chega contesta, mas nem uma palavra sobre a autonomia financeira para um verdadeiro combate à corrupção. À porta do poder, já foi engolido pelo sistema?

REPÚBLICA DAS BANANAS?

quarta-feira, fevereiro 14, 2024

MP ENCOSTADO À MADEIRA

Governante, autarca e empresários indiciados pelo Ministério Público, uma das mais espectaculares acções da PJ, três cidadãos detidos desde 24 de Janeiro. Resultado: todos os arguidos foram restituídos à liberdade por decisão de Jorge Bernardes de Melo, juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal (Lisboa).

P. S. Luís Montenegro tem razão para sorrir, apesar do infortúnio pessoal.

A IMPORTÂNCIA DO FILTRO

NEM O CONSELHO DE ESTADO RESISTE

«António Damásio renuncia ao Conselho de Estado».

ANUNCIAR E DEPOIS LOGO SE VÊ

Tal como os apoios e muitos investimentos, a morte medicamente assistida continua a ser uma miragem, pois a lei promulgada em Maio passado continua sem regulamentação. É mais um exemplo da realidade em Portugal, só possível com a cumplicidade dos outros órgãos de soberania e da comunicação social.

terça-feira, fevereiro 13, 2024

FORÇAS DE SEGURANÇA COM DIREITO À GREVE NA EUROPA

André Ventura faz a defesa das polícias terem direito a fazer greve, aliás reafirmada no debate com Luís Montenegro, uma proposta que não tem nada de radical. Curiosamente, o líder do Chega apenas citou os casos da Bélgica e da Suíça, optando por omitir que esse direito, com serviços mínimos estabelecidos, também existe no Reino Unido e nos três maiores países da União Europeia: Alemanha, França, Itália. Por que terá sido?

P. S. Os comentários aos debates são cada vez menos independentes e a qualidade está a descer a um ritmo assustador.

O TESTE DO ALGODÃO CONTINUA

O melhor e mais intenso debate até ao momento, em que o grande derrotado foi o PS: Luís Montenegro apostou na descredibilização das propostas de André Ventura, mas não impediu o efeito das últimas palavras do líder do Chega: «Os dois partidos [PS e PSD] representam o mesmo sistema há 50 anos».

segunda-feira, fevereiro 12, 2024

QUANDO A REALIDADE GANHA, OS LOBBIES PERDEM

O MAIOR INVESTIMENTO DE SEMPRE EM ANÚNCIOS

DEBATES PARA COMENTADORES

IPSE DIXIT. BOA SEMANA (07/2024)


«Não se vitimize assim,
Não lhe fica bem [Inês Sousa Real]».
Luís Montenegro
10/02/2024

«O risco da direita 
e da Aliança Democrática (AD) 
ganhar é real».
Pedro Nuno Santos
09/02/2024

«Dear Republican Senators of America. 
Ronald Reagan, 
who helped millions of us 
to win back our freedom and independence, 
must be turning in his grave today. 
Shame on you».
Donald Tusk
08/02/24

«Radical é ter idosos 
em centros de saúde 
pela noite dentro, 
deitados em mantas à chuva 
e ao frio 
à espera de uma senha 
para marcar uma consulta».
Rui Rocha
06/02/2024

«Não funciona? (...) 
Desculpe, o que não funciona?».
Pedro Nuno Santos
06/02/2024

«Em síntese, 
uma execução orçamental 
com um superavit 
que resulta de muitos impostos, 
baixo investimento público
e serviços públicos em colapso. 
Uma divida pública 
que baixa sobretudo por “artimanhas contabilísticas”, 
mas que em termos nominais 
não para de subir».
Joaquim Mirada Sarmento
05/02/2024

quinta-feira, fevereiro 08, 2024

AMBIÇÃO EM TEMPO DE CAMPANHA ELEITORAL

Os discursos inflamados em campanha eleitoral, aos quais não se segue o devido escrutínio da comunicação social, são reveladores: para uns, a ambição é o novo aeroporto de Lisboa e o TGV, para não falar de outras aventuras "gasosas"; para outros é fazer com que as pensões tenham a equivalência ao salário mínimo, uma espécie de última fronteira de dignidade. Dá que pensar!

A FINTA DO SISTEMA CONTINUA

A rábula da perda da razão por força da ação de uma justa luta já foi ensaiada com enfermeiros, médicos e oficiais de justiça, etc. O resultado é conhecido. 

P. S. Mais valia Marcelo Rebelo de Sousa continuar em silêncio no palácio. 

MENSAGEM CLARA PARA SUPER DRAGÕES, PINTO DA COSTA E CLAQUES

A prisão preventiva de Fernando Madureira é muito mais do que um caso de polícia. É a justiça a mandar uma mensagem clara para o mundo do desporto, designadamente para os super dragões, Pinto da Costa e claques de futebol.

quarta-feira, fevereiro 07, 2024

VENTURA CONFIRMA: COSTA ESTÁ DE CABEÇA PERDIDA


P. S. Enfrentar as alegações de que existem "ligações" das forças de segurança ao Chega é um serviço público. Só faltou recordar outras alegadas ligações, ao longo das últimas décadas, aos partidos do sistema.

AUTOENGANO É FELICIDADE

MORTÁGUA HESITA, MONTENEGRO APROVEITA

Mariana Mortágua continua a hesitar numa demarcação clara do PS. Luís Montenegro aproveitou a oportunidade com confiança.

P. S. Rui Rocha já é a grande surpresa dos debates entre líderes partidários, uma confirmação que ficou clara no debate com André Ventura.

terça-feira, fevereiro 06, 2024

O QUE NÃO FUNCIONA?

A reveladora expressão de Pedro Nuno Santos – «Desculpe lá, o que não funciona?» – traduz a arrogância, a insensibilidade social e os tradicionais truques que continuam a pautar a intervenção política do PS. Em boa verdade, com um contributo de monta para o anedotário político nacional.

P. S. A forma como o líder do PS desperdiça o único trunfo que poderia exibir, o de ter batido o pé a António Costa, só pode ser explicado por masoquismo ou aconselhamento desastroso.

DA AUTOJUSTIFICAÇÃO ÀS MESAGENS SIMPLES E DIRECTAS

Os dois primeiros debates entre líderes partidários permitem duas conclusões: os representantes do actual poder e aliados caíram na armadilha da sistemática autojustificação; por sua vez, aqueles que representam a oposição cingiram-se a mensagens simples e directas.

segunda-feira, fevereiro 05, 2024

AUTORITARISMO NUNCA MAIS

CALENDÁRIO DOS DEBATES DOS LÍDERES PARTIDÁRIOS

Começam, hoje, os debates entre os líderes partidários.

IPSE DIXIT. BOA SEMANA (06/2024)


«Talvez já não chegue indignarmo-nos.
É preciso evidenciar a ignomínia».
Carvalho da Silva
03/02/2024

«Vai acabar a mama
no dia 10».
André Ventura
02/02/2024

«O nosso fim
é a vossa fome».
Protesto dos agricultores
01/02/2024

«Digo-o com muita pena,
Portugal é hoje
o país mais pobre
da Europa Ocidental».
José Manuel Durão Barroso
31/01/2024

domingo, fevereiro 04, 2024

A QUANTO OBRIGA O CAPRICHO DE COSTA

A espécie de esquerda fandanga está tão assustada com a perda do poder e das respectivas mordomias que até já dá cobertura ao último capricho político (conhecido!) de António Costa que está na origem de uma das maiores crises nas forças de segurança. 

P.S. O alvo passou a ser Armando Ferreira, o presidente do Sindicato Nacional Polícia, por dizer o óbvio: o protesto pode colocar em causa as próximas eleições de 10 de Março. Nem a liberdade sindical resiste.

sábado, fevereiro 03, 2024

COSTA DE CABEÇA PERDIDA, PEDRO NUNO SANTOS CALADO

A fuga em frente do governo liderado por Antonio Costa, primeiro-ministro demissionário, permitiu agora, pasme-se, com a habitual olímpica desfaçatez política, o atrevimento de acusar os polícias de "insubordinação gravíssima" por, sob uma injustiça e pressão inauditas, meterem baixas médicas. De facto, mesmo depois de liderar políticas que condenam os portugueses à morte às portas das urgências, com a cumplicidade institucional e política de Marcelo Rebelo de Sousa, um tal nível de irresponsabilidade política não pode surpreender ninguém, nem mesmo os questão à porta do tacho.

P. S. Pedro Nuno Santos já pediu autorização para reagir?

IL COM UM PASSO EM FRENTE

«Os Portugueses não precisam de mudar de país, nós precisamos de mudar o país», é o slogan da Iniciativa Liberal (IL). E nada como passar das palavras aos actos, começando por ignorar a Comissão Nacional de Eleições.

P. S. A dimensão do Estado rosa é a grande batalha para a alternância ou a alternativa.

sexta-feira, fevereiro 02, 2024

MARCELO AGUENTA MAIS UM ANO?

A ligeireza presidencial tem surpreendido até os mais críticos, ou melhor, nunca como hoje é legítimo perguntar: Marcelo Rebelo de Sousa aguenta mais um ano em Belém?

PREÇOS DE PRODUÇÃO, CONSUMO E PAZ SOCIAL

Os agricultores estão a colocar o dedo na ferida do modelo económico, defendido e implementado pelos partidos do arco da governação. A forma desregulada actual, o esmagamento da produção e a margem de lucro da distribuição têm os dias contados, pelo menos com paz social.

P. S. O custo de mais um erro da governação de António Costa, rasgando uma promessa e agora tentando compensá-la à pressa, está à vista de todos.

O PS NÃO MUDA COM PEDRO NUNO SANTOS

O novo secretário-geral dos socialistas esteve na berlinda mediática pelas piores razões: recebeu €203 mil em subsídio de deslocação, apesar de ter casa em Lisboa. As justificações do próprio são ainda mais embaraçosas, comprovando que nada vai mudar no PS. 

quarta-feira, janeiro 31, 2024

PORTUGAL ESTÁ A ACORDAR

É cada vez mais notório que os cidadãos, designadamente os pequenos e médios agricultores, comerciantes e empresários, não estão disponíveis para pagar a factura de projectos faraónicos impostos por saloios e corruptos, em nome de um suposto crescimento e interesse nacional, mais mercenário menos mercenário.

GOVERNANTES, MADEIRA E SUPER DRAGÕES

A Operação Influencer, com a PSP, o raid exemplar da PJ realizado na Madeira e agora as buscas aos mais destacados elementos dos super dragões também levada a cabo pela PSP, revelam que o MP e os OPC's estão a agir. É uma mudança de monta que, depois de erros passados, garante o benefício da dúvida a Lucília Gago, a Luís Neves e a José Augusto de Barros Correia. E contribui para a percepção de normalidade que os políticos têm posto em causa de uma forma extraordinária.

terça-feira, janeiro 30, 2024

O REGRESSO DOS CALHAUS QUE NÃO BRILHAM

No âmbito das buscas na Madeira, a PJ encontrou um diamante embrulhado em papel vegetal, entre outras descobertas brilhantes ao alcance de Pedro Calado, ex-presidente da Câmara do Funchal.

P. S. Como é possível que Luís Montenegro, candidato a PM, continue tão triste e miseravelmente em silêncio.

segunda-feira, janeiro 29, 2024

quinta-feira, janeiro 25, 2024

PS/PSD: PARECE UM FILME DE TERROR

O PSD com a velha tralha madeirense às costas é tão aterrador quanto o novo PS com os "costistas" a continuar no poder e a mandar, no dia em que Sócrates apareceu a espernear.

SÓCRATES VAI A JULGAMENTO


P. S. O MP viu o seu recurso validado, com a decisão instrutória do juiz Ivo Rosa a ser cilindrada pelo Tribunal da Relação de Lisboa. E a justiça lenta, escandalosamente lenta, a que o(s) ex-primeiro(s)-ministro(s) e demais poderosos não podem escapar nem ter um tratamento de excepção em relação ao inferno vivido por qualquer outro cidadão.

MERCENÁRIOS E AFINS QUE SE CUIDEM

Na lista de crimes que levaram Miguel Albuquerque a ser constituído arguido, designadamente os habituais de colarinho branco – corrupção passiva de titular de cargo político, prevaricação, abuso de poder, participação económica em negócio –, destaque para o atentado contra o Estado de Direito, só visto na acusação a José Sócrates. É obra! Os mercenários e afins que se cuidem.

TRATAR 75.800€ COM HUMOR

A campanha publicitária do IKEA, gozando literalmente com o estado a que o país chegou, só surpreende pelas reacções negativas e saloias de quem confunde a cidadania e a independência empresarial com o seguidismo acéfalo e o tachismo medíocre. Eis um indicador importante do atraso a que o país está condenado.

P. S. É muito mais difícil despedir e/ou prejudicar o negócio da multinacional de origem sueca para abafar a situação, não é?


PORTUGAL À BEIRA DO ABISMO

 


segunda-feira, janeiro 22, 2024

PORTUGUESES EM ESTADO DE CHOQUE

A habitual dramatização da campanha eleitoral ainda nem começou, mas os portugueses já estão em estado de choque. E já nem o escondem no dia-a-dia. O ambiente na rua é de enorme revolta com o que se está a passar na saúde, designadamente no SNS, bem como no país em geral. O sentimento de profunda indignação é tal que nenhum órgão de soberania, nenhum, escapa a uma avaliação profundamente negativa. Não se cuidem, não, ainda arriscamos a ter problemas muito sérios e mais graves antes de 10 de Março.

P. S. É o tudo ou nada: as últimas declarações de André Ventura, prometendo uma auditoria aos negócios do Estado dos últimos  anos, estão a colher fundo entre a população. 

TEMPOS INSANOS

MAIS UM IDOSO MORTO POR FALTA DE ASSISTÊNCIA

«Homem morre sozinho à espera de socorro em Setúbal. INEM abre inquérito».

IPSE DIXIT. BOA SEMANA (04/2024)




«Homem morre sozinho 
à espera de socorro em Setúbal».
Correio da Manhã 
(Manchete)
22/01/2024

«Já não há produto de limpeza 
que possa branquear 
o que foi o desempenho 
de Pedro Nuno Santos».
Rui Rocha
20/01/2024

«País precisa de perceber 
porque está a morrer tanta gente»
Luís Montenegro
19/01/2024

«O Hamas tem sido 
financiado por Israel há anos 
para tentar tirar o poder 
da autoridade palestina da Fatah».
Josep Borrell
19/01/2024

«Without any doubt,
Putin has decided
to set the world on fire».
Andrzej Duda
18/01/2024

«Acho que já se percebeu 
aquilo que a AD não quer 
mas talvez seja tempo 
que a alternativa faça 
um discurso pela positiva, 
construtivo e com soluções».
António Pires de Lima
18/01/2024

«O presente enquadramento, 
perverso ao desenvolvimento 
da atividade de Comunicação Social, 
tem de ser alterado por melhor regulação 
que promova as melhores e não as piores práticas, 
que estimule suficientemente 
os incumbentes a se reestruturarem, 
que não dificulte a entrada de novos atores 
e a sua sustentabilidade económico-financeira, 
que escrutine a estrutura accionista, 
governação e financiamentos dos vários órgãos, 
assegurando a sua transparência».
António Carrapatoso
18/01/2024

domingo, janeiro 21, 2024

QUANDO NEM OS MORTOS CONTAM

Os doentes são tratados como gado, diariamente, quando sobrevivem. Crescem as vozes críticas sobre a gestão da crise da pandemia. Entretanto, Pedro Nuno Santos, que fez parte do governo responsável pelo maior ataque ao SNS, afirma que o PS não desiste do SNS. E, para ainda maior surpresa, até há na oposição política (CDS/PP) quem defenda a viabilização de um novo governo liderado pelo PS, só faltando aceitar previamente a recuperação de Marta Temido ou a manutenção do inenarrável Manuel Pizarro na pasta da Saúde. 

P. S. A ter em linha de conta as últimas declarações do líder do PS, nem mesmo o recorde de números de mortos, o maior da Europa, é capaz de obrigar a uma tomada de posição clara, firme e substantiva,  designadamente por um imediato inquérito sanitário, administrativo e criminal.

FORÇAS DE SEGURANÇA: A REALIDADE QUE CONTA

A 6 de Setembro de 2022 foi o reforço de meios. Mais de um ano depois, a 30 de Novembro de 2023, foram os aumentos dos suplementos salariais. Para a PJ muito, para as outras forças de segurança pouco. Hoje, alguns dos preteridos da PSP estão à porta de Belém, a força que liderou as investigações que conduziram, a 7 de Novembro de 2023, às buscas ao Palácio de São Bento, as quais determinaram o pedido de demissão de António Costa.